Comunidades Luteranas - Águas Mornas

O primeiro grupo de famílias evangélicas do Estado de Santa Catarina fixou-se, em 1847, na Colônia de Santa Isabel, em Águas Mornas. Do total de 164 pessoas que fundaram a Colônia, pelo menos 14 famílias (71 pessoas) eram de confissão luterana. Estas famílias de credo evangélico reuniam-se aos domingos e em dias de festas cristãs para cultos de leituras que eram, devido à ausência de pastores, dirigidos por leigos. Suas crianças recém-nascidas, pelo mesmo motivo, eram batizadas por um sacerdote católico em São José, que ficava a um dia de viagem na época. Igualmente os casamentos eram realizados por um sacerdote católico, visto que no Brasil Imperial não havia casamento civil e somente o católico tinha reconhecimento pelos poderes constituídos.

Hoje, em Águas Mornas, existem quatro igrejas de confissão luterana, são elas:

Comunidade de I Linha

No dia 16 de outubro de 1932, 18 famílias da comunidade de Bauerslinie (Primeira Linha), inauguravam a igreja Melanchton – Kapelle (Capela de Melanchton). Sob as sábias palavras do livro do Eclesiastes 5.1. A primeira pedra fundamental foi colocada em 10 de Abril de 1932. Antes disso, os cultos eram realizados numa casa velha, de madeirada, onde também funcionava a escola. A partir do ano 1925 passaram a ser comunidade independente, e o pastor passou a atendê-los de oito a dez vezes por ano. A estrutura da igreja continua sendo a mesma desde a fundação.

Comunidade II Linha

No dia 13 de Novembro de 1932 foi inaugurada a Gustav-Adolf - Kirche (Igreja Gustavo Adolfo), sob as palavras dos Atos 2.42. antes disso,  reuniões e orações eram realizadas na escola que foi construída em 1897, de frente a atual igreja. Foi um período árduo, mas de intensa comunhão. Há muitos relatos das dificuldades que as pessoas enfrentavam para construírem e buscarem o material necessário para colocar de pé a sua casa de orações.

Santa Isabel

Primeira comunidade Evangélica de Confissão Luterana, organizada na então Província de Santa Catarina. Fundada por imigrantes que em 1847 estabeleceram a Colônia de Santa Isabel. No ano de 1860, com a ajuda e esforços dos líderes da comunidade, foi construída a “Martinus Kirche”. Em 1861 passa a ser atendida pelo pastor de Blumenau. E Nesse mesmo ano recebe seu primeiro pastor. Do ano de 1865 a 1909 sediou a “Erziehungsanstalt” (Instituto de Educação), escola que nos primeiros anos funcionava em regime de internato, devido as grandes distâncias até às casas dos colonos. Nesta, as crianças recebiam os primeiros conhecimentos bíblicos e as primeiras instruções dos conhecimentos gerais, sendo a grande edificadora dos primeiros imigrantes, tanto em nível espiritual quanto social.

Teresópolis

No ano de 1870 o Pastor Tischhauser mandou começar a construção da igreja (“Zionskirche”) em Teresópolis, mas que somente foi inaugurada em 28 de Abril de 1872 e destruída pelo fogo em 15 de setembro 1886. No dia 3 de junho de 1887 foi feita uma festa e então reinaugurada a Igreja evangélica de Teresópolis, que ainda é a mesma.